Os desafios de ser mãe solo: você se identifica?

mãe solo

Maternidade não é sobre estado civil. Maridos nos tornam esposas. Filhos nos tornam mães! Essa frase faz tanto sentido, né? Quem aí já fez alguma observação do tipo: “Fulana é mãe solteira! ?

Já repararam o quanto essa fala vem carregada de julgamento? Agora tente falar: “Ela é mãe solo”! Vejo como o pronunciamento das palavras já vem com mais leveza. 

Essas mães precisam de apoio e não da nossa arma apontada. Já imaginou o malabarismo absurdo que uma mãe solo faz para conseguir cuidar dos filhos e da casa, fazendo também, muitas vezes, tripla jornada de trabalho para compensar o rombo no orçamento familiar? Para piorar, muitas delas simplesmente não contam com a tão falada rede de apoio. 

Principais desafios de ser mão solo

Conversando com todas as mães solos da minha mentoria online, “Pílulas Para Maternidade”, percebi que os desafios vivenciados na maternidade parece vir sempre em dose dupla em seus lares. Veja se você, mãe solo, se identifica com algum deles. Quero saber também como tem sido esses desafios de mãe solo,  para que eu consiga te ajudar:

1) Saber medir a dosagem certa de diálogo e até mesmo de distanciamento com o pai dos filhos. Racionalmente, sabe-se que é preciso manter um relacionamento saudável com o pai, nem que seja em nome dos filhos. Mas na prática, é muito mais complexo, pois uma separação pode envolver muitas questões extremamente dolorosas. Nesses casos, é muito importante um mínimo de neutralidade para que os filhos não absorvam um problema que definitivamente não é deles. 

2) Ser mãe solo pode ser sufocante. A demanda é intensa e não há a partilha de obrigações diárias, revezamento para colocar pra dormir, fazer as tarefas e isso acaba fazendo com que um tempo sozinha, e a “nutrição” da individualidade fique defasada. É muito importante buscar uma rede de apoio para que esses momentos de solitude sejam criados e preservados.

3) A paciência é sempre testada ao limite. Não há a entrada frequente de um terceiro elemento, no caso o pai, para amenizar as situações de estresse com os filhos. Não há alguém que sirva de escudo quando os ânimos da mãe solo estão aflorados. Mais um motivo para buscar uma rede de apoio e um tempo de qualidade para si mesma.

4) A organização diária também pode ficar prejudicada na casa de uma mãe solo, principalmente com crianças menores. Se a mãe acorda atrasada, tudo desanda, porque não tem aquele apoio operacional para ajudar com a arrumação as crianças, para ir ao supermercado enquanto dá banho nos filhos, ou até mesmo ir na farmácia de madrugada. Por conta disso, sempre é preciso de um planejamento muito maior.

5) O equilíbrio na criação dos filhos, e seguir a mesma linha de educação parece ser também mais difícil. Muitos pais acabam caindo na permissividade por verem menos os filhos e permitindo tudo. Tentam compensar a ausência com presentes e passeios e as mães sentem que ficam com a parte chata das obrigações, e isso pode gerar uma desarmonia grande entre os pais. Já tive pais separados (que mal conversavam) que frequentaram meus cursos e resolveram semanalmente fazer reuniões de família online com os filhos e foi incrível. Pode ser uma ferramenta muito importante para o bem estar de todos.

“Mãe solo casada”

Para você mãe solo, que está tendo dificuldade com os desafios, além das dicas citadas acima, tenho uma sugestão interessante! O livro “O exército de uma mulher só”, da escritora Thaiz Leão, do perfil @a_maesolo. Ela também fala dos seus perrengues e da imensa moralização das pessoas a respeito do seu status civil, que a fez ficar ainda mais sozinha para não ter que se afirmar constantemente. Thaiz conta que durante a gravidez, o pai abortou a parte dele. 

E fico pensando, quantos progenitores não fazem isso mesmo estando dentro do lar com seus filhos? Quantos pais não abortam as suas responsabilidades e afundam as mães em uma sobrecarga profunda de cuidados com os filhos, casa e trabalho? Quantas “mães solos casadas” também não vemos por aí? 

Se você também faz parte desse grupo, me conta aqui: Quais são seus maiores desafios como mãe solo? Comente abaixo.

Siga também nosso Instagram – Facebook- Youtube e Linkedin e acompanhe todas as dicas e novidades

COMPARTILHE:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

contato@fernandateles.com.br